Charlando

Pacote de Incentivo à Indústria

postado em 7 de abr de 2012 16:39 por Ivan Saul   [ 7 de abr de 2012 16:43 atualizado‎(s)‎ ]

Pena que aqueles seres sem um pingo de compreensão, membros das poderosas FIESP e CNI, não entenderam a amplitude do sacrifício que fazem nossos governantes em nosso nome, emprestando dinheiro do BNDES [i.e., nosso] com taxa de juros inferior ao índice inflacionário e arrombando o caixa da Previdência que, de acordo com o que sempre se ouviu falar é deficitário, para dar desconto de quase 20% na contribuição desse setor da indústria duplamente privilegiado...

Leia o artigo completo no blog: - Saudações Ovelheiras! -

OS PODEROSOS, A MÍDIA E O SEU CORDEIRO

postado em 5 de dez de 2011 02:15 por Ivan Saul   [ 5 de dez de 2011 02:18 atualizado‎(s)‎ ]

Há alguns dias eu lia na seção de Economia e Negócios do G1, no portal
globo.com, matéria relativa à 
prejuízo verificado no 3º trimestre de 2011 no maior grupo frigorífico do mundo, leia no link abaixo:

Pode ser verificado por aqueles que vierem a ler ou já leram a notícia, que a coisa toda é ininteligível ao comum dos mortais - como toda manifestação relacionada às Ciências Econômicas - é tanto lucro líquido, prejuízo líquido, antes e depois do Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) e não sei que mais, que se torna impossível saber se está tudo bem com a empresa ou se a gente deve fazer uma "vaquinha pra dar uma mão" engolindo os preços escorchantes que pagam pelo nosso boi, como sempre.

Leia o artigo completo no blog: - Saudações Ovelheiras! -

A bronca dos indignados

postado em 3 de nov de 2011 16:40 por Ivan Saul   [ 3 de nov de 2011 16:59 atualizado‎(s)‎ ]

Com muito maior competência literária do que a minha, o colunista José Nun escreve na seção Opinión do diário argentino La Nacion de hoje, sobre a crise econômica global. Esta tradução explica minha preocupação  em relação à crise e ao futuro que nos aguarda. Ou seja, o articulista disse o que eu tentava dizer (escrever) há algum tempo.
 Boa leitura senhores!

Leia o artigo completo no blog: - Saudações Ovelheiras! -

Profa. Angela muito melhor que o Cabo Adolf!

postado em 29 de out de 2011 15:02 por Ivan Saul   [ 29 de out de 2011 15:08 atualizado‎(s)‎ ]

As poucas pessoas com quem converso em base regular e têm interesse em "assuntos maduros"  - crise mundial, conjuntura política e outras coisas do gênero - nas últimas semanas me ouviram falar sobre a "nova hegemonia germânica".

Leia o artigo completo no blog: - Saudações Ovelheiras! -

Edição extraordinária - II

postado em 14 de out de 2011 15:53 por Ivan Saul   [ 29 de out de 2011 15:05 atualizado‎(s)‎ ]

P. ANTÚNEZ / A. OYHENARD 
O frigorífico brasileiro Marfrig anunciou uma forte reestruturação para reduzir seus custos, incluindo alterações no Uruguay. Os trabalhadores estão preocupados com a instabilidade no emprego, enquanto o governo encara a decisão como "natural". Foi-se o tempo em que grandes empresas frigoríficas do Brasil expandiam-se na região e no mundo adquirindo empresas do setor. Agora, o forte nível de endividamento e as perdas...

Leia o artigo completo no blog: - Saudações Ovelheiras! -

EXPOINTER - Festa à Gaúcha

postado em 8 de set de 2011 19:14 por Ivan Saul   [ 8 de set de 2011 19:23 atualizado‎(s)‎ ]

Tendo voltado de "Esteio" cheio de impressões para compartilhar e, com base em alguns fatos que constatei, quero convidar os fiéis leitores ao debate, à reflexão e ao protesto, onde couber. 
Ocorreu um pico de acessos à este humilde blog, nos últimos dias, me induzindo (erroneamente é provável) a pensar que existem leitores curiosos com que eu vi por lá.

Leia o artigo completo no blog: - Saudações Ovelheiras! -

Bom futuro para a pecuária do Mercosul

postado em 24 de jul de 2011 15:37 por Ivan Saul   [ 16 de fev de 2012 10:26 atualizado‎(s)‎ ]


Chega ao seu final "La Rural de Palermo". Exposição que, apenas por sua ocorrência e persistência no bairro mais valorizado da capital Argentina, é um manifesto anual da importância da atividade agropecuária para a economia da nação e o bem estar social. Lá, muito mais do que aqui, existe um grande distanciamento entre a população urbana e os produtores rurais sendo frequente que a opinião pública...

Leia o artigo completo no blog: - Saudações Ovelheiras! -

Percepção da ovinocultura pelos seus praticantes – Uruguay I

postado em 18 de mar de 2011 17:25 por Ivan Saul   [ 18 de mar de 2011 17:42 atualizado‎(s)‎ ]

Há algum tempo venho pensando em trazer – para reflexão sobre a nossa forma brasileira de pensar e fazer ovinocultura – as posições de quem lida com a ovinocultura em outros países. Afortunadamente, relendo um dos tantos materiais que a gente pega e deixa para ler depois, encontrei na edição de fevereiro do “El País Agropecuário” (EPA)[suplemento mensal do diário uruguayo, n.t.], uma matéria em que foram consultados três referenciais da Cadeia Produtiva da Ovinocultura do Uruguay sobre como eles percebem a atividade ovinícola, no momento e em suas perspectivas a médio prazo.
Leia o artigo completo no blog: - Saudações Ovelheiras! -

Cruzamentos & Mestiçagem II

postado em 3 de mar de 2011 15:54 por Ivan Saul   [ 4 de mar de 2011 15:07 atualizado‎(s)‎ ]

 “APTIDÃO SE FAZ COM SELEÇÃO E NÃO COM MESTIÇAGEM!”
 
Palavras ditas no Século XIX pelo homem que introduziu, no Brasil, o gado Devon, o Jersey, o Ideal, o Ile de France, o Karakul e o Eucalipto. O Dr. Joaquim Francisco de Assis Brasil, advogado formado na Faculdade de Direito do Largo de São Francisco em São Paulo, foi diplomata, político, escritor e agropecuarista, grande estudioso da representatividade no sistema republicano presidencialista e da produção agrícola, que ao contrário do que dizem alguns setores da “sociedade civil organizada” em suas “cartilhas e manuais” (leia-se MST), não era um “abastado pecuarista e latifundiário” embora vivesse em um castelo (a Granja de Pedras Altas tinha 112 braças de campo, a 1,452 Ha/braça = 162 Ha – só quem conhece os lindos e duros campos de Pedras Altas pode dizer).
 
Leia o artigo completo no blog: - Saudações Ovelheiras! -
 

Ainda sobre abates informais

postado em 3 de mar de 2011 15:35 por Ivan Saul   [ 5 de mar de 2011 11:01 atualizado‎(s)‎ ]

“A carne ovina e o abate clandestino: é possível calcular o tamanho da informalidade?” – [16/fev/2011]
 
Meus prezados Doutores André e Lucas e demais colegas de FarmPoint.
Alta relevância tem o tema que os colegas propuseram à discussão. De tal forma, permitam-me aqui esclarecer alguns pontos. Como eu tenho falado sobre clandestinidade, e agradecido pela existência do mercado informal que, reafirmo, é a única cadeia produtiva estabelecida na ovinocultura nacional. E antes que se diga que eu faço apologia ao crime (ou contravenção, não sei – meu conselheiro jurídico está de férias outra vez), preciso dizer que, tanto quanto os nobres colegas ao final do artigo constatam, as questões culturais e de sobrevivência econômica do produtor são, via de regra, subestimadas nos estudos sobre temática de tão grande importância

Leia o artigo completo no blog: - Saudações Ovelheiras! -

1-10 of 11